segunda-feira, 17 de setembro de 2012

se...

Se aqueles milhares de pessoas tivessem um programa revolucionário podiam fazer a revolução.
Isso abre todo um horizonte de nova confiança. Ao trabalho.

2 comentários:

Anónimo disse...

100% de acordo.

Mas volto ao desafio que te fiz no post de dia 11 "Resgatar o presente e o futuro com a luta de massas", agora mais directamente:

Nos dias 30 de Novembro e 1 e 2 de Dezembro (e principalmente na discussão até lá) temos muito que fazer para que tenhamos uma vanguarda verdadeiramente revolucionária...
(uma dica: será o nosso Programa revolucionário ou reformista?)

pedras contra canhões disse...

Ora aí está uma questão interessante para debater no processo de preparação do nosso Congresso. conta comigo para dar a minha opinião.